Luto oficial



Candidatos ao GDF lamentam morte de Eduardo CamposJéssica Gonçalves


Os candidatos ao Governo do Distrito Federal lamentaram a morte do presidenciável Eduardo Campos(PSB) e cancelaram os compromissos de campanha nessa última quarta-feira (13). O Governador do DF, Agnelo Queiroz, do PT, decretou luto oficial de três dias. Ele disse que acompanhou de perto a trajetória de Campos, e afirmou que foi uma grande perda para o País.
Rodrigo Rollemberg, candidato ao GDF pelo mesmo partido de Eduardo Campos, classificou o acidente como uma tragédia e disse que o ex-governador de Pernambuco é um líder insubstituível.
José Roberto Arruda, do PR, disse em sua página no Facebook que esse é um momento de muita tristeza, e afirmou que a fatalidade deixa uma marca irreparável tanto pela vida política quanto pela pessoa de Campos.
Luiz Pitiman, do PSDB, pediu preces pelas famílias envolvidas.
O candidato Toninho do Psol declarou que manifesta imenso pesar pela morte do presidenciável e dos assessores que estavam no avião, e se solidarizou com os familiares das vítimas.

O candidato à presidência e ex-governador de Pernambuco morreu na manhã desta quarta-feira depois que o jato particular em que ele viajava com outras seis pessoas, incluindo dois tripulantes, caiu em um bairro residencial em Santos, no litoral paulista. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, 13 casas foram atingidas pelos destroços. Seis moradores foram encaminhados a hospitais com escoriações leves e liberados em seguida. Eduardo Campos tinha completado 49 anos de idade, no último domingo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Laboratório Sabin em Vicente Pires

Academia IPPON traz artes marciais para Vicente Pires

Nova Farmácia Pague Menos